Mulher é presa após matar ‘marido virtual’ no Japão

A polícia do Japão prendeu uma mulher acusada de ter matado o seu ‘marido’ em um mundo virtual na internet.

Ela alega que teria ficado brava ao ser divorciada do marido virtual sem aviso em um jogo online.

O avatar ‘morto’ era o alter-ego virtual de um homem de 33 anos, que chamou a polícia após descobrir que seu perfil no jogo havia sido apagado.

A suposta “assassina virtual“, uma professora de piano de 43 anos, está sendo mantida em uma prisão na cidade de Sapporo, ao norte do país.

A polícia a acusa de acessar de forma fraudulenta a conta da vítima no jogo online.

Casamento virtual

Os avatares da mulher e da vítima haviam se conhecido online e se casaram virtualmente em um jogo popular, chamado Maplestory.

Segundo a polícia, apesar de a mulher não ter cometido qualquer agressão física contra sua vítima no mundo real, ela deverá ser indiciada por acessar ilegalmente um computador e manipular dados.

Ela estará sujeita, se condenada, a uma pena de até cinco anos de prisão ou a uma multa de até cerca de R$ 12 mil.

O Maplestory é um jogo fabricado na Coréia do Sul que ganhou muita popularidade em diversos países do Oriente.

O principal objetivo do jogo é derrotar monstros, mas ele também pode servir para outras atividades sociais, como relacionamentos e até casamentos virtuais entre os avatares.

Até aqui retirado do BBC Brasi

Mapple Story

MapleStory é um MMORPG (Massive Multiplayer Online Role-Play Game) criado em maio de 2005 pela Nexon e programado pela Wizet. O jogo possui gráficos bidimensionais e personagens desenhados ao estilo super deformed. Diferentemente da maioria dos MMORPGs atuais, Maple Story tem um sistema de batalhas inovador, no qual o jogador comanda os movimentos dos personagens com o teclado ao invés de com o mouse.

Além disso, o jogo possui um sistema de Classes/Jobs, uma extensa e variada gama de itens e um dos maiores Cash Shops (onde você paga por itens extras). Atualmente, possui mais de 3.000.000 de contas de jogadores e pelo menos 10.000.000 de personagens criados. Cada conta ou jogador possui um nome único que não pode ser utilizado por outro jogador, o que garante que o seu personagem não será confundido com outro.

No Brasil ele é licenciado pela LevelUp Games desde junho de 2008, a empresa também é responsável pelos jogos: City of Heroes; City of Villains; Dofus; Grand chase; Guild Wars; GunZ The Duel (Gunz Online); Lineage II; Ragnarök Online; Rising Force Online; Silkroad Online; Perfect World (MMORPG); Dungeon Runners; Trickster; Lunia.
|
|
Conselho da SDM: Nunca, nunca, eu digo nunca mesmo, apague a conta de um Nerd!!!
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: